Casas em Lisboa chegam a custar 2.300 euros por m2

12 Agosto 2008



A Área Metropolitana de Lisboa (AML) tinha, no final do primeiro trimestre deste ano, 213 mil casas à venda. Os dados são das estatísticas Confidencial Imobiliário//LardoceLar.com.


Cascais e Oeiras também têm dos preços mais altos
De acordo com o mesmo estudo, o preço médio da habitação em oferta na região atingiu os 1.649 euros/m2. Lisboa é o concelho onde os preços médios da habitação em venda atingem os valores mais elevados da Área Metropolitana, acima dos 2.300 euros/m2. Seguem-se Oeiras e Cascais, onde os preços médios superam os 1.900 euros/m2. Em conjunto, Lisboa, Cascais e Oeiras concentram 38% dos alojamentos em oferta contabilizados na base de dados Confidencial Imobiliário/LardoceLar.com relativamente à AML, sendo que, no conjunto dos três concelhos, Cascais lidera a oferta em termos de volume.
Odivelas tem os preços mais caros a Norte da capital
Na Margem Norte (Sintra, Vila Franca de Xira, Amadora, Loures, Odivelas e Mafra), que reúne uma oferta de 70 mil fogos (33% do total da AML), os valores médios de habitação em oferta rondam os 1.450 euros/m2. Nesta região, Odivelas apresenta o valor médio mais elevado (acima dos 1.500 euros/m2), enquanto que Sintra se afirma como o concelho com a maior bolsa de imóveis habitacionais em oferta (37% do total da Margem Norte).
Preços na Margem sul são metade dos praticados em Lisboa
A Margem Sul (Almada, Seixal, Setúbal, Montijo, Moita, Alcochete, Sesimbra, Palmela, Barreiro) é a região da AML com os preços médios da habitação em oferta menos elevados, não ultrapassando os 1.200 euros/m2. No total, os nove concelhos que compõem esta sub-região concentram 29% da oferta habitacional em venda na Área Metropolitana de Lisboa, correspondentes a 63 mil alojamentos. Almada é o concelho com os valores médios de habitação mais elevados na Margem Sul, com os fogos em oferta a rondarem, em média, os 1.500 euros/m2.

A Imométrica e o portal www.LardoceLar.com, desenvolvido e gerido pela Caixatec, do universo Caixa Geral de Depósitos, têm uma parceria, no âmbito da qual a primeira realiza o tratamento estatístico dos imóveis em oferta neste portal, que reúne mais de 450 mil imóveis e 1.200 empreendimentos em oferta por todo o país.

Fonte: Agência Financeira




Recomendar a um amigo

Use o seguinte formulário
close