Confiança na ocupação de escritórios em Lisboa mantém-se estável

10 Julho 2008



A Jones Lang LaSalle divulgou o seu mais recente relatório de research sobre as condições do mercado de ocupação de imobiliário terciário na região EMEA (Europa, Médio Oriente e África), no qual conclui que a confiança no mercado de oc


O CBD, o Parque das Nações e Corredor Oeste foram as zonas com o maior nível de absorção nos primeiros três meses do ano.
Esta análise mostra que o Corredor Oeste é dominado por empresas do sector das Tecnologias de Informação, empresas de serviços e farmacêuticas, sendo ainda uma zona onde os parques de escritórios como o Lagoas Park ou a Quinta da Fonte, que oferecem edifícios de primeira linha, são particularmente populares. «O leque de escolha dos ocupantes é actualmente limitado, particularmente para espaços prime no centro da cidade», conclui ainda a Jones Lang LaSalle, acrescentando, porém, que estão a nascer alguns projectos novos no Parque das Nações e no Corredor Oeste, que permitirão um aumento da oferta em 2009 na ordem dos 200.000 m². Em relação aos próximos meses, a consultora prevê que as rendas prime devam permanecer estáveis, ao passo que os incentivos deverão ser reduzidos devido à limitada oferta de espaços de escritórios.

Fonte: Vida Imobiliária




Recomendar a um amigo

Use o seguinte formulário
close