Imóveis situados próximos das estações do TGV sujeitos a imposto especial

8 Abril 2008



Governo prepara-se para lançar um imposto que abrange os imóveis situados próximo das futuras estações da Alta Velocidade, medida em tudo semelhante à aplicada em torno da ponte Vasco da Gama.


O objectivo desta contribuição especial, de acordo com o Jornal de Negócios, será a prevenção da especulação imobiliária que se possa gerar nessas zonas, potenciada pela construção de infra-estruturas como o TGV. Deste modo, o novo imposto deverá incidir sobre os terrenos em volta das futuras estações onde irá parar a Alta Velocidade, sendo que ainda há dúvidas sobre algumas.
Por exemplo, no eixo Lisboa-Porto, a contribuição será paga pelos proprietários dos terrenos em volta das estações de Lisboa, Coimbra, Leiria e Aveiro estando ainda em cima da mesa a possibilidade de uma paragem em Rio Maior, como adianta o diário ``Correio da Manhã``.
Na ligação Lisboa-Madrid, as estações serão em Évora e Caia, estando também por definir onde será ligação para o aeroporto. Para Porto-Vigo estão previstas estações em Campanhã, Braga e na fronteira, ainda por decidir.

Fonte: Vida Imobiliária




Recomendar a um amigo

Use o seguinte formulário
close