Bancos sobem avaliação de casas em Abril

28 Maio 2010



Valor médio de avaliação, em Abril, era de 1.173 euros. Lisboa é a região do país com as casas mais caras.


O valor médio de avaliação bancária da habitação, em Abril, fixou-se nos 1.173 euros por metro quadrado, mais 0,1% do que no mês anterior, revela esta sexta-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Isto depois de dois meses (Janeiro e Fevereiro) com avaliações inalteradas comparativamente ao mês anterior.

Também face a Abril de 2009, o valor médio da avaliação dos bancos aumentou: mais 3,6%.

No mês passado, os preços na área metropolitana de Lisboa mantiveram-se estáveis. Já no Porto caíram 0,2%.

Lisboa é a região com as casas mais caras do país

Os concelhos de Lisboa e do Porto mantiveram os valores mais elevados das áreas metropolitanas a que pertencem. Em Lisboa o valor médio de avaliação bancária de habitação foi de 2.029 euros por metro quadrado. No Porto, a avaliação média ronda os 1.455 euros por metro quadrado.

Em suma, as regiões que apresentaram os valores médios de avaliação mais elevados foram as regiões da Grande Lisboa (31,1%), do Algarve (25,9%), a Região Autónoma da Madeira (19,4%), a do Alentejo Litoral (8,2%) e a Península de Setúbal (7,8%).

No lado oposto, destaque para as regiões do Pinhal Interior Sul e do Pinhal Interior Norte, ambas com valores de 33,1%.

Apartamentos e moradias sofrem aumentos

No caso dos apartamentos, o valor médio de avaliação bancária foi de 1.251 euros por metro quadrado, mais 0,1% face a Março e uma variação homóloga de 3,6%.

Nas moradias, o valor médio da avaliação bancária em Abril foi de 1.029 euros por metro quadrado, superior em 0,1% em relação ao mês anterior e mais 2,1% face ao homólogo.

Fonte: Agência Imobiliária






Recomendar a um amigo

Use o seguinte formulário
close