Governo alarga prazo para pedido de moratória no crédito à habitação

20 Janeiro 2010



O Governo aprovou, em Conselho de Ministros, o Decreto-Lei que alarga, até 31 de Dezembro de 2010, o prazo para a apresentação das candidaturas de acesso à linha de crédito extraordinária, destinada ao financiamento de 50% da prestação


Com a aprovação deste Decreto-Lei, lê-se em nota informativa do Conselho de Ministros de 14 de Janeiro, «pretende-se continuar a apoiar as pessoas em situação de desemprego, estendendo-se o prazo, até 31 de Dezembro 2010, para apresentação de candidaturas de acesso à linha de crédito extraordinária, através da qual o Estado financia 50% da prestação do crédito à habitação própria permanente, em situações em que o mutuário esteja em situação de desemprego há mais de três meses».

A linha é disponibilizada pelo Estado, através da Direcção-Geral do Tesouro e Finanças (DGTF), aos mutuários abrangidos.

Fonte : Portal do Governo/Casa Sapo






Recomendar a um amigo

Use o seguinte formulário
close