Crise tira milhões às autarquias

10 Dezembro 2009



Há cada vez menos dinheiro a entrar para os cofres das câmaras por causa da crise.


Segundo o «Correio da Manhã», só em quebra de receitas no Imposto Municipal sobre Transmissões (IMT), devido às autarquias quando se compra um imóvel, o valor atinge os 145,5 milhões de euros entre Janeiro e Setembro deste ano. Este número representa 16 milhões a menos por cada mês em relação a 2008.

Os números, que constam do último boletim da Direcção-Geral do Orçamento (DGO), refere o jornal, revelam que o IMT teve uma quebra de 23% em termos homólogos. A explicar a quebra está a crise que afectou muito o mercado imobiliário em Portugal.

Fonte: Agência Financeira




Recomendar a um amigo

Use o seguinte formulário
close