Euribor a três meses muito próxima de 1%

8 Julho 2009



As taxas Euribor voltaram a descer em todos os prazos, somando vinte sessões consecutivas em queda. A Euribor a três meses está agora nos 1,044%, cada vez mais perto dos juros na zona euro.  


Euribor a seis meses, a mais utilizada no crédito à habitação em Portugal, recuou hoje para um mínimo histórico nos 1,261%, enquanto que a Euribor a três meses, usada sobretudo nos empréstimos às empresas, caiu para 1,044%, também o valor mais baixo de sempre. Já o prazo a doze meses recuou para 1,452%, igualmente um mínimo histórico. Pela primeira vez numa década de existência da Euribor, a taxa de juro interbancária poderá fixar-se abaixo de 1%. Pelo menos é esta a expectativa do mercado de futuros. Tanto os contratos de futuros negociados na Eurex - um dos maiores mercados de derivados do mundo - como os futuros da Euronext Liffe apontam para uma descida da Euribor a três meses para abaixo da fasquia de 1%, já em Setembro. Isto significa que as famílias cuja revisão do contrato seja feita em Setembro poderão assistir a uma nova descida da prestação da casa. Os novos créditos à habitação também deverão beneficiar de prestações mais baratas. Isto apesar de os bancos estarem a praticar ?spreads´´ mais elevados, o que anula, em parte, a descida que a Euribor tem vindo a protagonizar nos últimos meses. Na semana passada, tal como era esperado, o BCE manteve os juros para a zona euro inalterados nos 1%. Na mesma altura, o presidente do BCE, Jean-Claude Trichet, reiterou a visão da autoridade económica de que as taxas de juro permanecem a níveis ``apropriados``. Fonte: Económico




Recomendar a um amigo

Use o seguinte formulário
close