Aguirre Newman faz balanço sobre o mercado imobiliário (Comércio e Escritórios) no primeiro semestre de 2008

5 Janeiro 2009



A consultora imobiliária Aguirre Newman em Portugal apresentou o balanço sobre o mercado imobiliário, relativo ao primeiro semestre de 2008. De uma forma geral, e ?tendo em conta o actual enquadramento internaci


A oferta de comércio de rua caracteriza-se predominantemente por lojas no ramo da moda e acessórios, ocupando cerca de 40% dos espaços. As zonas mais procuradas em Portugal continuam a ser a zona do Chiado e a Avenida da Liberdade. Por outro lado, o Parque das Nações distingue-se como uma alternativa ao centro da cidade no que diz respeito ao segmento de escritórios. A oferta de escritórios em Lisboa aumentou 0,22% desde 2007 e no primeiro semestre deste ano, o espaço de escritórios ascendia aos 3.545.250 m2. Para 2009, a oferta de espaços para escritórios aumentará em 168.664 m2, com a conclusão de 14 edifícios. Da parte da procura, a área procurada em escritórios ascendeu aos 103.870 m2 no primeiro semestre de 2008, com principal destaque para o Parque das Nações. No segundo semestre de 2008 a área transaccionada aumentou substancialmente, atingindo 70.000 m2. Com uma taxa de disponibilidade fixada nos 7,37%, o valor em geral aumentou, de acordo com os dados da consultora. No segmento hoteleiro, Lisboa atingiu um crescimento de 4,0% no número de hotéis e a previsão é para a tendência de crescimento continuar. Estão previstos até 2011 mais 47 unidades, ou seja, 5.152 novos quartos.

Fonte: Vida Imobiliária




Recomendar a um amigo

Use o seguinte formulário
close