Habitação deverá valorizar 1,2% ainda este ano

20 Novembro 2007



Taxa de variação homóloga foi de 1,3%. O Índice Confidencial Imobiliário, série que mede a valorização do mercado habitacional em Portugal, divulgou os resultados do mês de Setembro, prevendo que o mercado habitacional possa atingir um


A taxa de valorização anual, que mede a variação média dos últimos 12 meses face aos 12 meses anteriores inverteu a sua tendência de desaceleração, cifrando-se em 1,1%, num crescimento de 0,1 pontos percentuais do que no mês anterior.
Da mesma forma, também a taxa de variação mensal registou uma performance «bastante positiva», com o índice a apresentar uma valorização de 0,4% face a Agosto, a maior valorização mensal dos seis meses anteriores, diz a Confidencial Imobiliário em comunicado.
A taxa de variação homóloga foi de 1,3%.
No mercado de novos, no final de 2007, a valorização média anual deverá ser de 1,5%, enquanto que no segmento dos usados se admite que os valores possam observar um crescimento médio de 1% no final de 2007.
Em termos de análise por estado de uso, o mercado de habitação nova valorizou 1,6% em termos médios anuais durante o mês de Setembro e 1,3% em termos homólogos, o que deverá resultar na continuação da tendência de desaceleração do ritmo de valorização anual.
Porém, a recente evolução positiva do índice neste segmento permite antever que a descida da taxa média anual de valorização acabe por ser travada.
No segmento dos usados, a taxa de valorização média anual tem vindo a subir desde Junho, apesar de ser inferior à do segmento dos novos. Em Setembro, o mercado atingiu uma valorização média anual de 0,8%, enquanto que a taxa de variação homóloga está em 1,2%, indiciando a continuação do aumento do ritmo de valorização do mercado.
Porto valoriza acima da média nacional
Na Área Metropolitana do Porto, o mercado residencial tem vindo a passar por um período de valorização acima de média geral do Continente. No final de 2007, prevê-se que o mercado residencial possa apresentar uma taxa de valorização média anual de 1,2%.
Em Setembro, a habitação valorizou 1,1% em termos médios anuais. Nesta região, os mercados de novos e usados têm desempenhos distintos. No caso do segmento de fogos novos a taxa de valorização média anual atinge os 2,4%, estando a taxa de valorização homóloga em 3,4%.
Já no mercado de casas usadas, a taxa de valorização média anual está em 1,7%. Este é um mercado com uma evolução mais volátil, alternado movimentos ascendentes com descendentes, numa trajectória de valorização mais mitigada.

Fonte: Agência Financeira




Recomendar a um amigo

Use o seguinte formulário
close